São Roque

São Roque

Foi por volta de 1905 que se estabeleceram em Palmeira Baixa as primeiras famílias italianas. Os colonizadores trouxeram um “santinho” de São Roque, que veneravam. No início não existia a igreja. Foi construído o “capitel”, próximo de onde está a igreja hoje, construída em 1953. Ele foi encomendado por Domênica (Meneghina) Tezza, em 1918, em cumprimento a uma promessa. 

Nesta data benzeu o Vigário a primeira pedra dos alicerces da nova capela de São Roque, em Palmeira Baixa. O ato se revestiu de simplicidade colonial, mas em extenso programa de festejos”. Livro Tombo, n. 2 , p. 60, 28 mar. 1951. 

Dentro dos capitéis, que eram comuns na região, colocava-se um “santinho” do padroeiro. O mourão que sustentava a capelinha tinha um espaço oco na parte superior, fechado, possuindo apenas um orifício horizontal e que permitia apenas a passagem de uma moeda, que os devotos depositavam após fazer orações.

O primeiro sinal sonoro foi um pedaço de trilho da estrada de ferro que imitava o som de sinos. Somente em 1922 é que, pela doação de Mariano Mazzucco a igreja recebeu um sino verdadeiro. No capitel as pessoas se reuniam todos os domingos, e vinham também fiéis de outras comunidades.
A devoção às imagens de São Roque e São Donato faz parte da vida dos palmeirabaixenses. As imagens foram doadas por Antônio Mazzucco, filho de Eugênio Mazzucco e Maria Patel, em 1924. A festa é comemorada em agosto, no dia 16, junto com a data estabelecida como de fundação da comunidade.

Hoje residem na comunidade de Palmeira Baixa 25 famílias, todas católicas. Não há catequese e as crianças são catequisadas em comunidades vizinhas. O Apostolado da Oração conta com 23 membros. Além disso, a comunidade conta o Apostolado da Mãe Peregrina, Equipes de Liturgia, Pastoral do Dízimo, Mães Apostólicas e Grupos de Família. A administração é conduzida pela Comissão para Assuntos Econômicos e Pastorais .

São Roque

Roque é o santo protetor contra a peste e padroeiro dos inválidos e cirurgiões. É também considerado por algumas comunidades católicas como protetor do gado contra doenças contagiosas. A sua festa celebra-se a 16 de agosto. Roque nasceu em Montpellier, na França, por volta de 1350, e falecido na mesma cidade em 1379.Era filho de um mercador rico, de nome João, que teria funções governativas na cidade, e de sua mulher Libéria. Roque ficou órfão de pai e mãe muito jovem, sendo a sua educação confiada a um tio.

Estudou medicina na sua cidade natal, não concluindo os estudos. Levando desde muito cedo uma vida ascética e praticando a caridade para com os menos afortunados, ao atingir a maioridade, por volta dos 20 anos, resolveu distribuir todos os seus bens aos pobres, deixando uma pequena parte confiada ao tio, partindo de seguida em peregrinação a Roma. No decorrer da viagem, ao chegar à cidade de Acquapendente, encontrou-a assediada pela peste negra. De imediato ofereceu-se como voluntário na assistência aos doentes, operando as primeiras curas milagrosas, usando apenas um bisturi e o sinal da cruz.

 Depois de visitar Roma, onde rezava diariamente sobre o túmulo de São Pedro e onde também curou vítimas da peste, na viagem de volta para Montpellier, ao chegar a Piacenza, foi ele próprio contagiado pela doença, o que o impediu de prosseguir a sua obra de assistência. Para não contagiar alguém, isolou-se na floresta próxima daquela cidade, onde, diz a lenda, teria morrido de fome se um cão não lhe trouxesse diariamente um pão e se da terra não tivesse nascido uma fonte de água com a qual matava a sede.

Miraculosamente curado, regressou a Montpellier, mas logo foi preso. Roque foi considerado um espião e passou alguns anos numa prisão até morrer, abandonado e esquecido por todos, só sendo reconhecido depois de morto, pela cruz que tinha marcada no peito. As suas relíquias foram transportadas para Veneza em 1485, sendo aqui objeto de grande veneração. Passou a ser invocado em casos de epidemia, popularizando-se como o protetor contra a peste e a pestilência. 

SÃO ROQUE

'SÃO ROQUE

Monumento comemorativo do
centenário de fundação da comunidade

Informações:

Local

Palmeira Baixa

Compartilhar

Vídeos Postados

Conecte-se conosco